==
22 mai

3 vantagens da utilização do vidro na área da saúde

Ainda que as áreas da construção civil e da indústria moveleira sejam os maiores parceiros comerciais do segmento vidreiro, graças ao fato de utilizarem bastante vidro em suas obras, eles não são as únicas possibilidades. Um setor que tem se mostrado muito promissor nos últimos tempos é o da saúde. E foi pensando exatamente nisso que a Vidramaq trouxe um texto especificamente sobre a utilização do vidro na área da saúde.

No restante deste artigo, nós te explicamos melhor por que o uso do vidro na área da saúde tem crescido tanto e ainda mostramos as 3 principais vantagens que o material traz para os ambientes hospitalares. Se você quer entender melhor a respeito de mais esta possibilidade de atuação, continue a leitura abaixo e confira!

 

A utilização do vidro na área da saúde é uma tendência crescente

Como nós já falamos em um outro texto inteiramente dedicado ao estado do setor vidreiro durante a pandemia do Covid-19, o ritmo de trabalho do segmento da construção civil está bem menor do que o normal. A construção de novos hospitais e ampliação de antigos, por outro lado, cresceu bastante — como uma das formas de tentar conter a pandemia.

Talvez até mais do que os prédios residenciais e comerciais, os hospitais e clínicas podem precisar de uma quantidade considerável de vidro em suas construções. Isso porque o vidro apresenta algumas vantagens que nenhum outro material traz com tanta maestria. Confira cada uma dessas vantagens a seguir:

 

3 vantagens do vidro na área da saúde

 

1. Proteção contra radiação

Existe um material chamado vidro plumbífero, também conhecido como vidro com chumbo. Este material é fundamental em hospitais e clínicas que trabalham com os diagnósticos por imagem que emitem radiação, como os famosos equipamentos de raio x. É a composição deles que faz eles serem recomendados para estes casos.

Isso porque eles não podem ter uma transparência menor que 85% e devem conter chumbo na proporção de pelo menos 22% da sua espessura total. Com esta composição, eles são capazes de proteger contra a radiação emitida por equipamentos que operam na faixa de 80 a 300 kV com tranquilidade.

 

2. Proteção contra bactérias e outros microrganismos

Outro tipo especial de vidro comum em hospitais é o chamado vidro antibacteriano. Ele tem como diferencial a presença de íons de prata em sua superfície. Quando entram em contato com as bactérias presentes no ambiente, eles desativam seus metabolismos, matando até 99% delas.

Quando falamos em hospitais, ambientes em que a contaminação e a propagação de várias doenças pode ser enorme se os devidos cuidados não forem tomadas, fica muito evidente a importância de adotar soluções como esta.

 

3. Privacidade facilitada

Por fim, a última vantagem do vidro na área da saúde que trouxemos é a obtenção facilitada de privacidade quando for necessário. Isso porque outro tipo diferente e especial de vidro, chamado vidro privativo, tem o diferencial de poder mudar de translúcido para opaco, o que aumenta a privacidade dos pacientes ao mesmo tempo em que deixa eles serem vistos por familiares em momentos distintos. 



E estas vantagens que citamos são apenas de tipos especiais de vidro. É válido considerar os benefícios proporcionados até pelos vidros mais convencionais também. Aqui, podemos citar a facilidade na limpeza, a possibilidade de isolamento acústico e até mesmo a beleza estética inquestionável.




E você, já conhecia alguma destas vantagens da utilização do vidro na área da saúde? Ele é, claramente, um material diferenciado. Se você gostou deste texto e quer receber mais conteúdos assim, siga a Vidramaq no Facebook e no Instagram hoje mesmo!

RECEBA NOSSAS NOVIDADES POR E-MAIL